Aprendendo a lidar com o Dinheiro

Há cerca de três anos atrás, consegui realizar uma enorme transformação em minha vida, transformei meu modo de enxergar as coisas. Gosto de dizer que minha mente se abriu e eu pude ver o mundo de outra forma, uma forma totalmente nova para mim, foi quase um renascimento. E isso ocorreu graças a tão falada e tão importante LEITURA.

Eu fui um excelente aluno na escola, até a oitava série. Do ensino médio a faculdade eu era aquele aluno mediano, tirava a nota suficiente para passar e me formei aos trancos e barrancos.

Com relação a leitura, nunca me encantou. Os livros que a professora passava na aula de literatura eram muito chatos e eu nunca tive interesse de buscar algum livro que me interessasse para começar a ler. Cheguei até a ganhar alguns livros infanto juvenis de minhas tias durante a adolescência, começava a ler, achava legal, mas logo deixava de lado e nunca mais pegava. Preferia jogar videogame, navegar na net ou sair com os amigos.

A minha visão de mundo era do tipo “nasci pobre, vou morrer pobre”, “ou nasce rico, ou enriquece de maneira ilegal”, dai por diante. Eu não tinha ambição, nem sabia ao certo quanto ganhava por mês, só sabia que era pouco e que ia passar metade do mês apertado. Assim que recebia já me empenhava em gastar tudo e ficar na pindaíba novamente.

Tudo mudou quando eu resolvi me casar. A primeira vez que economizei dinheiro foi para a festa de casamento, comecei a pesquisar na internet dicas de como juntar dinheiro. Acabei encontrando um livro chamado “Casais Inteligentes Enriquecem Juntos” do Gustavo Cerbasi, baixei o ebook e li no celular. Na sequência eu li o livro “Pai Rico, Pai Pobre” do Robert Kiyosaki. Através destes livros eu descobri a chamada EDUCAÇÃO FINANCEIRA. Foi a descoberta de um novo mundo, muitos autores defendem que a educação financeira tem que ser ensinada na escola, desde os anos iniciais.

Com certeza se eu tivesse esse conhecimento anos antes, teria feito outras escolhas em minha vida, na verdade, eu teria feito escolhas na minha vida, por que até então, eu apenas deixava a vida me levar, como diz a letra daquela música muito famosa do Zeca Pagodinho.

Além da educação financeira, outra mudança foi a do hábito da leitura. Por ter encontrado um tema que me agrada bastante, eu passei a ler diariamente. Hoje não leio apenas livros sobre educação financeira, leio sobre diversos assuntos, mas foi ela quem acendeu a chama da leitura em mim.

Nos próximos posts pretendo falar mais sobre como a educação financeira transformou minha vida, quais são os principais conceitos e também não menos importante, dicas de leitura para nos tornarmos uma pessoa melhor. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s